Churrasco no Verão? Que opções existem? - SAGIPER
SAGIPER
Menu

BLOG

Churrasco no Verão? Que opções existem?

Churrasco no Verão? Que opções existem?

Quem não dispensa um churrasco no Verão? Se ainda não fez nenhum, Setembro e Outubro também costumam ser ótimas alturas.
Não tem um churrasco na varanda, terraço ou jardim? Existem várias opções no mercado e queremos ajudá-lo a escolher, para que a experiência de um convívio com a família ou amigos corra mesmo na perfeição.

A carvão, elétrico ou a gás, todos os churrascos têm pros e contras, terá de avaliar cada um de acordo com as suas necessidades, estilo de vida e orçamento disponível.
Que espaço tem disponível? Este espaço tem boa circulação de ar? Dá mais importância ao momento de cozinhas ou quer apenas fazê-lo rapidamente? Qual o sabor que mais aprecia? Estas são algumas perguntas que se deve fazer no momento de escolher o grelhador ideal para si…

Grelhador a Gás

É muito usado e bastante prático. É uma opção rápida e simples de utilizar, sobretudo quando comparado com o carvão, basta ligar e está pronto a cozinhar.
Terá sempre de ter uma ligação ao gás, seja proveniente da sua casa ou uma botija que terá de repor cada vez que esta acabe.

Para ter um grelhador a gás precisa de algum espaço e sobretudo de estar afastado de elementos inflamáveis, pelo que esta não será a opção ideal se vive num ambiente urbano denso.
Sabia que até já existem modelos com wiFi pelo que pode acompanhar o estado da comida


Grelhador a carvão

O método mais tradicional, que confere à comida um sabor mais característico, de grelhado. Para muitos esta é a única verdadeira opção já que se habituaram ao sabor e ao próprio método de cozinhar, que é quase um ritual, que muitas pessoas gostam de ter ao ar livre.
O material, já conhece, terá de comprar carvão, acendalhas, etc…

Esta hipótese é mesmo a que demora mais tempo, cerca de 30 minutos, por isso se o objectivo é cozinhar em pouco tempo e com muita frequência, esta não será a opção mais indicada. Mesmo ao terminar, não se desliga simplesmente carregando num botão como as demais possibilidades.

Também precisa de ter um espaço disponível considerável e evitar elementos inflamáveis, ao seu redor.
A nível de custos, ficará mais comprar o carvão sempre que necessário do que o gás. Aqui mais uma vez deve considerar a frequência com que pretende utilizar.

Grelhador Elétrico

Onde sentirá mais a diferença de sabor, um sabor menos característica de grelhado, mas para quem tem pouco espaço disponível e está numa zona urbana, esta será a melhor opção. Apenas precisa de uma ligação elétrica. É uma opção mais rápida, mais compacta e também emite menos fumos, na verdade quase nenhuns.

Se procura um grelhador para uma pequena varanda esta será a opção ideal.

Nas várias possibilidades existem diversas opções a nível de material por exemplo mas também no facto de serem portáteis ou não, terem rodas para fácil transporte ou não e também claro muitas opções diferentes a nível estético.

Outra questão pertinente é onde deixar o grelhador durante o ano… Não pode usar grelhadores elétricos no exterior, expostos às intempéries, eletricidade e precipitação ou mesmo temperaturas muito baixas, é algo que não tem um bom resultado.
Mas o grelhador elétrico é a opção mais compacta pelo que poderá arrumá-lo na cozinha ou garagem quando não está a uso.

Neste aspecto os grelhadores a gás já são mas versáteis e resistentes a baixas temperaturas.

Quanto à manutenção, um grelhador elétrico exige apenas uma limpeza simples, desligado da corrente, e tem partes amovíveis para limpeza se necessário. O grelhador a gás exige mais algum trabalho, remover sempre os residuos de comida, verificar as ligações, por exemplo.

Para outras considerações mais técnicas basta informar-se junto das marcas.

Este é um eletrodoméstico que proporciona grandes momentos de convívio e descontração ao ar livre, faça uma escolha adequada ao seu estilo de vida e aproveite a subida das temperaturas.

Amália Souto Miranda,
Arquitecta Paisagista.

Share